28 de novembro de 2010

António Teixeira

António Dias Teixeira nasceu no dia 16 de Setembro de 1930 em Lisboa.
Começou por jogar futebol no Águias do Alto do Pina tendo passado depois pelo G.D. Chelas, até chegar ao S.L. Benfica ainda nos escalões de formação onde se sagrou Campeão Nacional de juniores.
Estreou-se como sénior ainda no S.L. Benfica e foi no clube de Lisboa que venceu o seu primeiro Campeonato Nacional no escalão maior do futebol português. Transferiu-se depois para o V. Guimarães.
Em 1952/53 foi contratado pelo Futebol Clube do Porto.
A sua estreia com a camisola azul e branca aconteceu no dia 5 de Outubro de 1952 no Estadio das Antas quando os Dragões receberam e venceram o Boavista F.C. por 4-2 numa partida a contar para a 2ª jornada do Campeonato Nacional da época de 1952/53.
Ao serviço dos Dragões conquistou o Campeonato Nacional de 1955/56, sob o comando do brasileiro Dorival Yustrich, e onde formou uma dupla atacante com outro brasileiro de nome Jaburu. Ainda nessa temporada de 1955/56 ajudou o F.C. Porto a conquistar a sua primeira Taça de Portugal.
Na época de 1957/58 repetiu a vitória na Taça de Portugal onde os portistas bateram o S.L. Benfica na Final do dia 6 de Junho por 1-0, golo de Hernâni.
O segundo Campeonato Nacional que António Teixeira venceu com a camisola do F.C. Porto foi na temporada de 1958/59, com Bela Guttmann no comando técnico.
Venceu ainda por cinco vezes a Taça Associação de Futebol do Porto em 1956/57, 1957/58, 1959/60, 1960/61 e 1961/62.
António Teixeira enquanto futebolista do F.C. Porto disputou 218 jogos oficias, marcou 164 golos e conquistou 9 Títulos.
Em 1970 voltou aos Dragões para assumir o cargo de treinador, lugar que ocupou durante duas temporadas, (1970/71 e 1971/72).

Palmarés
3 Campeonatos Nacionais da 1ª Divisão (Portugal)
2 Taças de Portugal
5 Taças Associação de Futebol do Porto

21 de novembro de 2010

Abel


Abel Fernando Maglietti nasceu no dia 4 de Março de 1946 em Lourenço Marques; Moçambique.
Em 1967/68 fez a sua estreia a nível Professional ao serviço do S.L. Benfica, clube que representou durante três épocas e onde venceu dois Campeonatos Nacional e duas Taças de Portugal.
Em 1970/71 transferiu-se para o Futebol Clube do Porto. Nas Antas esteve cinco temporadas e chegou a formar com o brasileiro Flávio a dupla atacante que ainda hoje muitos adeptos recordam.
Na época de 1975/76 representou o V.Guimarães e na temporada seguinte mudou-se para Aveiro onde foi vestir a camisola do S.C. Beira-Mar durante dois campeonatos, tendo feito parte do mesmo plantel que António Sousa, outro jogador que passou pelo F.C. Porto.
Em 1978/79 seguiu-se o F.C. Penafiel para aí jogar duas temporadas. Em 1981/82 ingressou no Rio Ave F.C. e na temporada seguinte transferiu-se para o União Sport Clube Paredes onde terminou a carreira de futebolista no final da época de 1982/83.

Palmarés
2 Campeonatos Nacionais da 1ª Divisão (Portugal)
2 Taças de Portugal

14 de novembro de 2010

Troféu Salvador Correia de Sá

No verão de 1949 o Futebol Clube do Porto viajou até Angola para disputar alguns jogos amigaveis.
Os Dragões realizaram 10 jogos, os quais se traduziram em outras tantas vitórias.
No dia 3 de Agosto, o Futebol Clube de Luanda, homenageou o F.C. Porto e ofereceu o Troféu Salvador Correia de Sá à comitiva portista que era liderada pelo Presidente Miguel Pereira.
O Troféu foi construído nesse mesmo ano de 1949 nas oficinas de um desportista portuense e antigo atleta dos Dragões, de seu nome Tavares da Rocha.
A Taça é encimada por uma figura em marfim que representa Salvador Correia de Sá, que foi o libertador e governador daquele território africano entre 1648 a 1651.
Em volta do troféu, seis placas ostentam o nome das cidades onde o F.C. Porto disputou as partidas, (Luanda, Benguela, Huila, Bié, Malange e Congo).

7 de novembro de 2010

Gastão


Gastão Alberto Gonçalves nasceu no dia 16 de Setembro de 1930 no Rio de Janeiro, Brasil.
No seu país representou o Tupinambás J.F. (1951 e 1952) e também o Clube Atlético Mineiro (1952, 1953, 1954 e 1955), onde conquistou quatro Campeonatos de Minas Gerais.
Em 1955/56 chega ao Futebol Clube do Porto que era orientado na altura pelo seu compatriota, Dorival Yustrich.
A sua primeira temporada ao serviço dos Dragões não poderia ter corrido melhor já que se sagrou Campeão Nacional e venceu também a Taça de Portugal, com uma vitória por 2-0 sobre o S.C. União Torreense no Jamor. No campeonato foi um dos três jogadores que Yustrich utilizou em todos os jogos, os outros foram Virgílio e Osvaldo Cambalacho. Gastão contribuiu ainda com 9 golos nesse campeonato de 1955/56, sendo o 3º melhor marcador dos portistas.
Na temporada de 1956/57 conquista a Taça Associação de Futebol do Porto.
Em 1957/58 vence a segunda Taça de Portugal, desta vez ao derrotar o S.L. Benfica na final por 1-0 (golo de Hernâni) e também a segunda Taça Associação de Futebol do Porto.
Na temporada de 1958/59, a tal do Inocêncio Calabote, Gastão volta a sagrar-se Campeão Nacional.
Na época de 1959/60 repete pela terceira vez a conquista da Taça Associação de Futebol do Porto. no final dessa temporada deixou o F.C. Porto.

Palmarés
2 Campeonatos Nacionais da 1ª Divisão (Portugal)
2 Taças de Portugal
3 Taças Associação de Futebol do Porto
3 Campeonatos Mineiros